Conheça os tipos de laser para depilação e faça a sua escolha

Cada vez mais popular no Brasil, a depilação a laser é um método eficaz para a remoção de pelos de forma definitiva. Há hoje no mercado vários aparelhos que prometem eliminar os pelos através da tecnologia laser. Desse jeito, a escolha do melhor procedimento pode ser um pouco mais complicada. Por isso, fizemos uma lista com os tipos de laser para depilação para te ajudar nessa tarefa.

O importante é você saber que todos eles têm um ponto em comum: a afinidade com a melanina. É essa atração que faz com que os pelos sejam removidos. Os lasers funcionam atingindo o pigmento que dá cor aos nossos pelos, queimando-os pelo bulbo e enfraquecendo-os. Com o tempo e as sessões, eles perdem a força e acabam morrendo.

Mas apesar dessa similaridade, cada laser tem características próprias e conhecê-los é importante para escolher qual é a melhor técnica para você investir de vez e se livrar dos pelos.

 

Soprano XL

O Soprano XL é um tipo de laser diodo e é indicado para a eliminação de pelos mais grossos. Ele não age sobre os fios muito claros, como os louros. Apesar de não ser muito doloroso – graças ao processo de resfriamento -, o Soprano XL faz múltiplos disparos de baixa intensidade, o que acaba exigindo um número maior de sessões. Este laser não é indicado para pessoas de pele negra já que, ao buscar a melanina, ele acaba atingindo a pele, podendo lesionar a região.

Milesman

Também um laser de diodo, o Milesman opera com uma ponteira pequena e refrigerada a -3ºC. Esse sistema de ultra refrigeração protege a região a ser depilada. Apesar do uso dessa ponteira ser muito mais confortável para o paciente, as sessões para eliminação dos pelos com o Milesman costumam ser mais longas, exatamente por causa do tamanho da ponteira.

Lightsheer

O Lightsheer é um dos aparelhos mais populares para depilação a laser, mas não quer dizer que seja um dos mais agradáveis. Também um laser de diodo, a diferença do Lightsheer para os outros equipamentos é a falta do sistema de resfriamento. Desse jeito, as sessões de depilação são muito dolorosas, o que pode fazer com que também sejam demoradas, já que é preciso interromper a aplicação por causa do incômodo. Para aliviar a dor, podem ser usados anestésicos tópicos antes do tratamento.

Alexandrite – uma das melhores opções de laser para depilação!

Muito menos dolorido que os lasers de diodo, o Alexandrite possui um sistema de refrigeração por spray criógeno, protegendo a camada mais superficial da pele, evitando queimaduras e lesões. Inclusive é essa combinação de laser e gás que garante uma sessão mais confortável e menos dolorosa. Apesar de não ser específico para peles negras, ele pode ser aplicado com baixa energia, garantindo eficácia para peles claras, morenas, negras ou bronzeadas. O tempo da sessão de depilação com o laser Alexandrite é menor, garantindo um procedimento mais rápido e mais confortável.

Yag – uma das melhores opções de laser para depilação!

O Yag laser possui um sistema de ação diferente dos outros lasers. Ele libera uma luz com menos afinidade pela melanina e por um tempo maior – milissegundos a mais. Assim a pele consegue se resfriar e somente o pelo é queimado. Desse jeito o Yag é a melhor opção para as pessoas de pele negra eliminarem os pelos com segurança e eficiência, já que ele age somente nos fios, sem lesionar, irritar ou queimar a pele. Para completar, o Yag trabalha com o sistema de refrigeração por gás criógeno – o mesmo do Alexandrite – garantindo uma sessão mais confortável, rápida e menos dolorosa.

Depois de conhecer os tipos de aparelhos de depilação a laser ficou muito mais fácil para decidir qual escolher, certo? Os lasers Alexandrite e Yag possuem as melhores performances e entregam os melhores resultados de forma rápida e muito menos dolorosa do que comparado aos outros aparelhos. Graças a eles, a Spazio Depilação a Laser oferece uma depilação a laser de forma segura e democrática, para todo mundo.

 

 

Tipos de depilação: descubra qual é o método mais adequado para você

Se você procura por um procedimento mais duradouro do que todos os anteriores, existe a fotodepilação – ou Luz Intensa Pulsada (LIP). Como o próprio nome já diz, esse método depilatório utiliza a energia da Luz Intensa Pulsada, que atua sobre as células germinativas dos folículos pilosos – os responsáveis pelo crescimento do pelo.

Ela pode ser usada em todas as áreas do corpo, excluindo regiões como ao redor dos olhos, ânus, saco escrotal e próximo às mucosas. A técnica deve ser utilizada com cuidado em peles morenas e negras, pois pode provocar queimaduras. Além disso, a fotodepilação é também contraindicada para quem tem diabetes, doenças neurológicas, câncer de pele, para quem utiliza medicamentos fotossensíveis e para mulheres que estão grávidas ou amamentando.

Ao contrário do que você possa imaginar, a fotodepilação não promove uma remoção definitiva dos pelos. Isso porque essa técnica apenas enfraquece os folículos pilosos, deixando o pelo mais fino e mais claro. Portanto, os resultados duram apenas alguns meses e sempre há a necessidade de se realizar manutenções.

Depilação a Laser

Sem dúvida a depilação a laser é o método mais indicado para quem quer se ver livre dos pelos de uma vez por todas. Diferente de todos os tipos de depilação explicados anteriormente, a depilação a laser é o único que oferece um resultado definitivo. Isso mesmo, você nunca mais vai ter que se preocupar em se depilar.

 

  • Como funciona

Essa técnica utiliza o raio laser para destruir os folículos pilosos, que são os responsáveis pelo nascimento de novos pelos. A luz do laser é absorvida pela melanina existente na base do folículo, perto das células germinativas do pelo, aquecendo e destruindo estas células.

Existem diferentes aparelhos que realizam a depilação a laser, mas os mais modernos são os que usam os laser de Alexandrita e Yag.

Além disso, a técnica utiliza um sistema de congelamento da pele por spray para diminuir a dor. Trata-se de um gás criógeno a -20ºC que entra em ação milésimos de segundos antes do laser ser disparado. Isso protege e prepara a pele para que a aplicação seja feita com menos dor, mais segurança e eficácia.

 

  • Quem pode fazer depilação a laser?

Qualquer pessoa pode fazer depilação a laser, não importa qual seja o seu fototipo de pele: branco, moreno ou negro. Não existem também quaisquer restrições para mulheres grávidas. O método só não pode ser aplicado em pacientes com herpes ou vitiligo ativos e que estejam se submetendo a radioterapia no local da aplicação.

 

  • Quais as principais vantagens da depilação a laser?

A principal vantagem da depilação a laser sem dúvida é o fato de que é um procedimento definitivo. Encerradas as suas sessões você nunca mais vai ter que se preocupar em se depilar. Isso representa uma economia de tempo e dinheiro para o resto da vida. Além disso, ao abandonar métodos depilatórios agressivos como a lâmina e a cera, você vai se ver livre dos cortes, machas e foliculite. Isso vai melhorar consideravelmente a qualidade da sua pele.

Ficou claro que o mercado de depilação oferece diferentes métodos, cada uma com as suas especificidades. O que você precisa é refletir sobre o que melhor te atende levando em conta o tempo de manutenção e o investimento necessário para cada técnica de remoção de pelos.

A depilação a laser é um procedimento definitivo, eficiente e seguro. O investimento é feito uma vez só e depois você estará livre dos pelos para sempre.

 

5 benefícios da depilação a laser para a sua pele, seu bolso e sua vida!

Depilação é aquela palavrinha que deixa muita gente desesperada. Muitos reclamam da dor, outros se queixam de alergias, enquanto uns sofrem com inflamações, irritações, pelos encravados e foliculites. A melhor maneira de deixar o sofrimento para trás é apostar em métodos de eliminação definitiva de pelos, como o laser. Você conhece os benefícios da depilação a laser? Separamos 5 deles para você se jogar nesse método.

 

5 BENEFÍCIOS DA DEPILAÇÃO A LASER

 

  1. Diga adeus aos pelos para sempre

Como os bulbos capilares são destruídos, os pelos param de crescer. A longo prazo, com o aumento das sessões, todos os fios da região tratada são atingidos e têm seu crescimento comprometido, eliminando de vez os pelos daquela área.

 

  1. Economia de tempo

Se você procura por eficiência, a depilação a laser vai ser o seu novo método de remoção de pelo favorito. Reflita sobre quanto tempo você perde todos os meses tendo sempre que se submeter a métodos depilatórios que doem e que deixam o pelo voltar a crescer. Por isso o laser é a melhor opção para depilação, já que é a única técnica a entregar resultados permanentes. Além de ser menos doloroso que outros métodos, é claro.

 

  1. Pele lisinha

Não tem coisa melhor do que sentir a pele lisa e macia, né? Com a depilação a laser essa sensação será constante. Isso porque ao abandonar a lâmina e a cera você vai se ver livre também daqueles probleminhas chatos, como cortes, irritações, pelos encravados e foliculite. Sendo assim, depois de um tempo você vai observar um aumento considerável na qualidade da sua pele.

 

  1. Para todos os tons de pele

A depilação a laser agora é para todo mundo. Anteriormente, os métodos usados para a eliminação definitiva de pelos eram restringidos a pessoas de pele clara e pelos grossos e escuros. Hoje essa realidade mudou. Graças à tecnologia Gás+Laser e ao trabalho conjunto dos lasers Alexandrita e Yag, brancos, negros, homens e mulheres podem se submeter à depilação a laser e se livrar totalmente dos pelos. Está aí uma dos maiores benefícios da depilação a laser, não e mesmo?

 

 

 

  1. Melhor custo benefício

Você pode ter em mente a ideia de que depilação a laser é caro. Mas isso é uma falsa impressão, pode ter certeza. A conta é simples: coloque na ponta do lápis quanto você gasta em uma vida se submetendo a métodos de depilação ultrapassados, como lâmina, cera, linha ou cremes depilatórios. Com o laser o investimento é feito uma vez só e depois você não precisa se preocupar mais com isso pelo resto da sua vida.

 

MAS O QUE É DEPILAÇÃO A LASER?

 

Sem dúvida a depilação a laser é o método mais indicado para quem quer se ver livre dos pelos de uma vez por todas. Basicamente o laser usado para depilação funciona por foto contraste. O raio e a energia gerados por ele são atraídos pela melanina – pigmento que dá cor aos fios e também à pele – no pelo, cauterizando-o até a raiz e eliminando totalmente o folículo piloso. Desse jeito, a técnica acaba com a capacidade do folículo de produzir novos fios. O método age progressivamente, com intervalos de aproximadamente 30 dias, e garante a redução definitiva dos pelos.

 

  • Como funciona

 

Essa técnica utiliza o raio laser para destruir os folículos pilosos, que são os responsáveis pelo nascimento de novos pelos. A luz do laser é absorvida pela melanina existente na base do folículo, perto das células germinativas do pelo, aquecendo e destruindo estas células.

 

Existem diferentes aparelhos que realizam a depilação a laser, mas os mais modernos são os que usam os lasers de Alexandrita e Yag. Além disso, a técnica utiliza um sistema decongelamento da pele por spray para diminuir a dor. Trata-se de um gás criógeno a -20ºC que entra em ação milésimos de segundos antes do laser ser disparado. Isso protege e prepara a pele para que a aplicação seja feita com menos dor, mais segurança e eficácia.

 

  • Quem pode fazer depilação a laser?

 

Qualquer pessoa pode fazer depilação a laser, não importa qual seja o seu fototipo de pele: branco, moreno ou negro. Não existem também quaisquer restrições para mulheres grávidas. O método só não pode ser aplicado em pacientes com herpes ou vitiligo ativos e que estejam se submetendo a radioterapia no local da aplicação.

 

  • Quais as principais vantagens da depilação a laser?

 

Um dos principais benefícios da depilação a laser sem dúvida é o fato de que é um procedimento definitivo. Encerradas as suas sessões você nunca mais vai ter que se preocupar em se depilar, o que representa uma economia de tempo e dinheiro para o resto da vida.

Além disso, ao abandonar métodos depilatórios agressivos, você vai se ver livre dos cortes, machas e foliculite. Isso vai melhorar consideravelmente a qualidade da sua pele.

Depois de toda essa explicação não tem mais razão para duvidar da depilação a laser. São tantas vantagens que pensar em outros métodos vai parecer bastante primitivo! A depilação a laser é um procedimento definitivo, eficiente e seguro. O investimento é feito uma vez só e depois você estará livre dos pelos para sempre.

 

 

9 malefícios da depilação tradicional para a sua pele

Você conhece os malefícios da depilação tradicional para a sua pele? Você sabe que existem por aí muitas opções quando o assunto é remoção de pelos. É classificado como depilação tradicional as seguintes técnicas:  ceras, lâminas e cremes depilatórios. Dentre os métodos mais modernos, se destacam a fotodepilação e o laser.

Todas essas técnicas podem ser a sua escolha para a remoção dos pelos. Mas da mesma forma que existem as vantagens de cada uma delas, há também os efeitos colaterais. Principalmente quando a remoção é feita usando os métodos tradicionais citados acima. Nesse artigo vamos te mostrar quais são os malefícios da depilação tradicional e como fazer para evitar esses problemas.

Boa leitura!

 

MALEFÍCIOS DA DEPILAÇÃO TRADICIONAL PARA A SUA PELE

 

Depilação com lâmina

Apesar de prática e rápida, a depilação com lâmina é um dos métodos menos eficazes para eliminar os pelos. Isso porque os fios voltam a crescer em poucos dias, o que faz com que a técnica tenha logo que ser aplicada novamente e por várias vezes.

O resultado pode aparecer em feridas na pele, cortes, coceira, vermelhidão e pelos encravados. Tudo isso causa muito incômodo e pode evoluir para foliculites.

 

Depilação com cera

Um dos métodos mais populares, a depilação com cera, elimina os pelos por aproximadamente 20 dias. Isso faz dela uma opção muito escolhida, sem dúvida. Porém, como a técnica puxa os fios pela raiz, ela pode causar sensibilidade na pele.

Além disso, quando não está na temperatura exata, a cera quente pode provocar queimaduras. Fazendo esse procedimento em casa, você pode acabar esquentando a cera demais e ao aplicá-la na pele pode se queimar seriamente.

E isso não é tudo. A depilação com cera tira também a proteção natural da pele e facilita o aparecimento de pelos encravados e foliculites.

 

Depilação com cremes depilatórios

O creme depilatório é uma ótima opção para quando a depilação precisa ser feita rapidamente. Ele age na pele, dissolvendo a haste dos pelos, mas sem retirá-los pela raiz. Por isso, essa técnica dura poucos dias e os pelos logo voltam a crescer.

Portanto, para ter a pele lisa, você terá que aplicar o creme com frequência. E é aí onde mora o perigo. como possuem em sua composição substâncias químicas, os cremes depilatórios podem causar alergias, ardência e vermelhidão.

 

 

EXISTE ALGUM MÉTODO DE DEPILAÇÃO MAIS SEGURO?

 

Depilação a Laser

Sem dúvida a depilação a laser é o método mais indicado para quem não quer sofrer com efeitos colaterais e quer se ver livre dos pelos de uma vez por todas. Diferente de todos os tipos de depilação explicados anteriormente, a depilação a laser é o único que oferece um resultado definitivo. Isso mesmo, você nunca mais vai ter que se preocupar em se depilar.

Essa técnica utiliza o raio laser para destruir os folículos pilosos, que são os responsáveis pelo nascimento de novos pelos. A luz do laser é absorvida pela melanina existente na base do folículo, perto das células germinativas do pelo, aquecendo e destruindo estas células.

 

  • Quais as principais vantagens da depilação a laser?

A principal vantagem da depilação a laser sem dúvida é o fato de que é um procedimento definitivo. Encerradas as suas sessões você nunca mais vai ter que se preocupar em se depilar, o que representa uma economia de tempo e dinheiro para o resto da vida.

Além disso, ao abandonar métodos depilatórios agressivos como a lâmina e a cera, você vai se ver livre dos cortes, machas e foliculite, o que vai melhorar consideravelmente a qualidade da sua pele.

  • Quem pode fazer depilação a laser?

Qualquer pessoa pode fazer depilação a laser, não importa qual seja o seu fototipo de pele: branco, moreno ou negro. Não existem também quaisquer restrições para mulheres grávidas.

O método só não pode ser aplicado em pacientes com herpes ou vitiligo ativos e que estejam se submetendo a radioterapia no local da aplicação.

 

Todos os métodos depilatórios têm as suas vantagens e desvantagens. Basta você saber se vale a pena investir neles ou não. Mas a depilação a laser é o mais seguro de todos eles. Além disso, ela entrega os melhores resultados e ainda protege a sua pele de inflamações e infecções.

A depilação a laser é um procedimento definitivo, eficiente e seguro. O investimento é feito uma vez só e depois você estará livre dos pelos para sempre.

 

 

Depilação a laser ou fotodepilação: compare e descubra a diferença

Eliminar os pelos de uma vez por todas é um tópico de interesse entre mulheres e homens. Nunca mais depender de lâminas, ceras, pinças e cremes depilatórios é um sonho que pode ser alcançado com os métodos de remoção definitivos. Mas quando o assunto é a depilação permanente, entra aquele embate: depilação a laser ou fotodepilação, qual é a melhor opção?

A depilação a laser e a fotodepilação possuem os mesmos mecanismos: elas atuam emitindo uma luz que é captada pela melanina dos pelos, transformando a luminosidade em calor.

Nesse artigo vamos te mostrar as principais diferenças entre os dois métodos e, assim, poderá decidir qual é a melhor opção para você.

 

DEPILAÇÃO A LASER OU FOTODEPILAÇÃO: UM RAIO X

 

Funcionamento

  • Fotodepilação: a fotodepilação é realizada com luz pulsada de baixa intensidade. Esse raio tem vários comprimentos de onda que enfraquecem os pelos e seu bulbo. Porém, o método não tem a capacidade de destruir as células germinativas da raiz dos fios, que são as responsáveis pelo crescimento dos pelos.
  • Laser: já o laser também é uma luz, mas com feixe reto, totalmente voltado para as células germinativas . A onda do raio atinge a raiz dos pelos, eliminando o crescimento dos mesmos. Por isso o laser é muito mais eficaz, já que essa técnica impede que os fios voltem a crescer.

Restrições

  • Fotodepilação: a fotodepilação não é recomendada para peles muito morenas ou negras. Isso porque nessas situações a técnica pode provocar manchas irreversíveis na pele. Além disso, a fotodepilação pode também provocar queimaduras e cicatrizes em peles muito escuras ou sensíveis.
  • Laser: a depilação a laser no entanto é muito mais segura para a pele negra do que a fotodepilação. Essa proteção acontece porque o pulso do laser pode ser controlado, coisa que não acontece de forma tão específica na fotodepilação. Assim, a luz é direcionada diretamente para a melanina da raiz do pelo, sem afetar a derme. Desse jeito, a pele ficar super protegida.

Dor

  • Fotodepilação: Apesar de ser menos dolorosa, a fotodepilação é também menos eficaz. O método atua apenas na área externa do pelo, sem atingir a raiz. Portanto, a fotodepilação acaba com os pelos apenas durante um período de tempo. Logo eles voltam a crescer, precisando assim de um novo tratamento.
  • Laser: A depilação a laser é mais dolorosa, mas chega até a raiz dos fios. Atraído pela melanina, o raio elimina o folículo piloso, responsável pelo nascimento e crescimento do pelo. A longo prazo, a depilação a laser elimina definitivamente os pelos e você nunca mais vai ter que se submeter a uma sessão de depilação – salvo casos de condições hormonais específicas.

Custo-benefício

  • Fotodepilação: a fotodepilação é mais barata, mas não é definitiva. Então, a longo prazo, você gastará mais do que se tivesse apostado na depilação a laser.
  • Laser: apesar de mais cara, a depilação a laser elimina os pelos definitivamente, acabando com os gastos futuros com a remoção dos fios do corpo.

 

POR QUE ESCOLHER A DEPILAÇÃO A LASER

Sem dúvida a depilação a laser é o método mais indicado para quem quer se ver livre dos pelos de uma vez por todas. Diferente de todos os tipos de depilação explicados anteriormente, a depilação a laser é o único que oferece um resultado definitivo. Isso mesmo, você nunca mais vai ter que se preocupar em se depilar.

COMO FUNCIONA

Essa técnica utiliza o raio laser para destruir os folículos pilosos, que são os responsáveis pelo nascimento de novos pelos. A luz do laser é absorvida pela melanina existente na base do folículo, perto das células germinativas do pelo, aquecendo e destruindo estas células.  Existem diferentes aparelhos que realizam a depilação a laser, mas os mais modernos são os que usam os lasers de Alexandrita e Yag.

Além disso, a técnica utiliza um sistema de congelamento da pele por spray para diminuir a dor. Trata -se de um gás criógeno a -20ºC que entra em ação milésimos de segundos antes do laser ser disparado, o que protege e prepara a pele para que a aplicação seja feita com menos dor, mais segurança e eficácia.

 

QUEM PODE FAZER DEPILAÇÃO A LASER?

Qualquer pessoa pode fazer depilação a laser, não importa qual seja o seu fototipo de pele: branco, moreno ou negro. Não existem também quaisquer restrições para mulheres grávidas.

O método só não pode ser aplicado em pacientes com herpes ou vitiligo ativos e que estejam se submetendo a radioterapia no local da aplicação.

 

QUAIS AS PRINCIPAIS VANTAGENS DA DEPILAÇÃO A LASER?

A principal vantagem da depilação a laser sem dúvida é o fato de que é um procedimento definitivo. Encerradas as suas sessões você nunca mais vai ter que se preocupar em se depilar, o que representa uma economia de tempo e dinheiro para o resto da vida.

Além disso, ao abandonar métodos depilatórios agressivos como a lâmina e a cera, você vai se ver livre dos cortes, machas e foliculite, o que vai melhorar consideravelmente a qualidade da sua pele.

Ambos os métodos podem ser usados para a depilação no rosto, braço, mãos, axilas, virilha, abdômen, entre outras. Os cuidados pré e pós tratamento também são iguais para as duas técnicas. O mais importante é escolher o método que atenda às suas necessidades.

 

Se você se decidiu pela depilação a laser, conte com a Spazio Depilação a Laser para te livrar definitivamente daqueles pelos tão incômodos. A depilação a laser é um procedimento definitivo, eficiente e seguro. O investimento é feito uma vez só e depois você estará livre dos pelos para sempre.

depilar sem escurecer a pele

Depilar sem escurecer a pele: isso é possível?

Manchas na pele são sempre um assunto sensível para muitas mulheres, principalmente se elas forem causadas pela depilação. Métodos como a cera quente e a lâmina podem danificar a pele, causando problemas não só temporários, mas também permanentes, como no caso das manchas. Então vem aquela pergunta: como posso depilar sem escurecer a pele?

Bom, primeiro é preciso falar que a pele só escurece com a depilação porque ela é lesionada. Quando a cera ou a lâmina machucam o local, a derme aumenta a sua produção de melanina como forma de proteção. Além disso, algumas áreas do corpo são mais sensíveis do que outras, como as axilas e a virilha. Essas regiões se escurecem com mais facilidade.

No entanto, existem algumas dicas que podem te ajudar a se depilar sem escurecer a pele. Quer saber quais são? Continue a leitura:

Depilação diária

Remover os pelos diariamente – o que acontece com algumas mulheres que optam pela depilação com lâmina – pode machucar a pele e deixá-la muito sensível. As lesões que surgem com a prática podem não só causar pelos encravados, foliculites e muitos incômodos, mas também escurecer a região.

Sol e proteção solar

Depilou? Então evite se expor ao sol por até 3 dias após o procedimento. Com a pele sensível e lesionada, os raios solares podem manchar a derme. Se for impossível esperar esse tempo, abuse dos filtros solares. Aliás, protetor solar é um item básico todos os dias, hein?

Hidratação

Nunca, nunca se esqueça de hidratar a pele antes e depois da depilação. Métodos como a cera e a lâmina deixam a pele mais ressecada e vulnerável. Por isso, cuidar bem da região é importante para manter a derme bonita e protegida.

Roupas apertadas

É importante fugir de roupas apertadas nas primeiras 24h após a depilação. Além de causarem atrito e esquentarem a região, a peças mais grudadinhas no corpo ajudam no escurecimento da pele, principalmente se ela estiver lesionada. Invista em roupas leves e que façam o ar circular.

Cuidado com cremes depilatórios

Os cremes depilatórios também facilitam o aparecimento de manchas. Isso porque se não retirados no tempo certo, esses produtos podem causar reações alérgicas e inflamações, condições que podem produzir mais melanina e manchar a pele.

E qual a melhor maneira de se depilar sem escurecer a pele?

Definitivamente a melhor maneira de se depilar sem escurecer a pele é com o laser. Além de remover os pelos permanentemente, a depilação a laser também cuida da pele, sem machucá-la. Você fica livre também de irritações, inflamações, pelos encravados e foliculites. Sem lesões, sua pele não mancha e você fica tranquila para todas as situações.

Com certeza, depois desse artigo, você já entendeu que a melhor opção para remover os pelos é a depilação a laser, né? Para completar, a tecnologia Gás+Laser usada pela Spazio é muito mais confortável, eficaz e funciona para todos os tipos de pele.

depilação para quem tem a pele sensível

5 dicas de depilação para quem tem a pele sensível

A depilação faz parte da rotina de muitos homens e mulheres, não importa qual método seja utilizado. Porém, algumas pessoas sofrem com a sensibilidade na pele, o que pode tornar a remoção dos pelos bem sofrida, com dores, alergias e irritações. Por isso é importante que alguns cuidados sejam tomados na hora da depilação para quem tem a pele sensível.

Mas o que fazer, como cuidar bem da minha pele para que ela não sofra? Preciso eliminar a remoção de pelos da minha vida? Calma, não é para tanto. Para resolver seus problemas, separamos 5 dicas de depilação para quem tem a pele sensível.

1. Não depile com a pele irritada

Se você decidiu usar lâmina, creme ou marcou uma sessão de depilação a cera e percebeu que a pele está irritada, desista. O processo de retirar os pelos pode piorar o quadro e uma simples irritação pode se transformar em uma inflamação mais séria.

2. Nunca reutilize a cera

Se o seu método preferido é a depilação com cera, jamais, em hipótese alguma, reutilize o material. A cera quando usada deve ser jogada fora. Quando guardada, a substância pode entrar em contato com bactérias, fungos e vírus, inflamando e infeccionando a pele.

3. Pele limpinha = menos pelos encravados

Higienizar a pele antes da depilação é super importante, principalmente nas peles sensíveis. Desse jeito você evita que pelos encravados e foliculites apareçam por causa de bactérias que entraram em contato com lesões e pequenas feridas.

4. Roupas confortáveis depois da depilação

Depilou e a região ficou sensível? Fique longe de roupas apertadas. Elas causam atrito com a pele, impedem a transpiração e podem piorar o quadro de sensibilidade. Aposte em roupas leves e larguinhas e deixe o ar circular.

5. Evite exposição ao sol

Nos primeiros dias após a depilação – qualquer que seja o procedimento – é importante não se expor ao sol. Isso porque, com a sensibilidade, a pele fica mais suscetível ao surgimento de manchas. Então vai se depilar para ir à praia ou pegar uma piscina? Faça isso alguns dias antes. E claro, use sempre protetor solar.

Qual o tipo mais indicado de depilação para quem tem a pele sensível?

Não importa se você é branco, negro, amarelo, tem a pele muito sensível ou não. O melhor método para a remoção dos pelos é a depilação a laser. Além de eliminar os fios, o laser protege a pele, deixando a sensibilidade para trás. Com a depilação a laser você se livra dos pelos, mas também das irritações, inflamações, alergias, pelos encravados e da foliculite.

Conhecer o seu tipo de pele é muito importante para escolher o melhor método depilatório. Mas o laser é, sem dúvida alguma, a melhor opção para quem tem a pele sensível. Se for esse o seu caso, não perca tempo.

Venha para a Spazio Depilação a Laser. Com a tecnologia Gás+Laser oferecemos a melhor opção para a retirada dos pelos. A depilação a laser da Spazio é mais confortável e muito mais eficaz.

como tratar e prevenir a foliculite

Como tratar e prevenir a foliculite: saiba como se proteger

Muita gente sofre com a foliculite, aquela inflamação na pele que aparece depois da depilação com lâmina ou cera. Muito incômoda, ela pode coçar e doer. Mas o que é, como tratar e prevenir a foliculite?

A doença se caracteriza como uma infecção de pele que se inicia nos folículos pilosos e, normalmente, é causada por bactérias, fungos, vírus ou pelos encravados que acabam inflamando. À primeira vista, a foliculite parece uma espinha, mas ao contrário da acne, as pontas brancas aparecem em torno dos folículos e normalmente desaparece sozinha. Em algumas situações, a foliculite pode evoluir para um quadro mais sério e levar a perda permanente de pelos e ao aparecimento de cicatrizes.

A infecção apresenta vários tipos, com características e evoluções próprias. Apesar de muito incômoda, a foliculite tem tratamento e pode ser evitada. Separamos algumas informações sobre cada tipo da inflamação e algumas dicas sobre o que você precisa saber e como tratar e prevenir a foliculite.

Tipos de foliculite: superficiais e profundas

As foliculites superficiais são as mais comuns e atingem a parte externa do folículo piloso. Elas podem ser:

  • Foliculite estafilocócita: quando ocorre infecção por bactérias;
  • Foliculite por pseudomas: infecção por bactérias que se proliferam na água, como em banheiras e piscinas aquecidas;
  • Pseudofoliculite da barba: inflamação dos folículos na região da barba. É mais comum em homens negros;
  • Foliculite Ptirospórica: afeta em sua maioria adolescentes e homens adultos e é causada por fungos.

Já as foliculites profundas são mais complicadas. Elas afetam as camadas mais internas e extensas da pele.

  • Sicose barba: se caracteriza por pequenas inflamações na pele e com pus. Elas aparecem primeiro no lábio superior, queixo e mandíbula;
  • Foliculite por bactéria gram-negativa: podem surgir por uso prolongado de remédios para acne;
  • Furúnculos e carbúnculos: quando não tratada corretamente, algumas foliculites podem evoluir para um quadro mais complicado. A lesão fica vermelha, enche de pus, cresce e dói cada vez mais. Essas complicações deixam cicatrizes na pele;
  • Foliculite eosinofílica: afeta em sua maioria pessoas infectadas pelo vírus HIV.

Como tratar e prevenir a foliculite?

Antes de tudo, é importante buscar a ajuda de um médico Dermatologista quando a foliculite surge, principalmente se a inflamação estiver bem avançada. O diagnóstico pode ser feito apenas com o exame na pele, mas também pode ser necessária uma análise das amostras de secreção. Se a foliculite for persistente e se repetir muitas vezes, um tratamento pode ajudar bastante. Quem definirá qual será a melhor técnica de intervenção será o Dermatologista após a análise do seu caso.

Mas a foliculite pode ser tratada com antibióticos, quando tiver causa bacteriana; antifúngicos, quando houver infecção por fungos; com drenagem nos casos de furúnculos; e evitando a depilação dos pelos com cera e lâmina de barbear, trocando o método de retirada de pelos por outros mais eficazes, como a depilação a laser.

Algumas atitudes podem proteger a sua pele do desenvolvimento da inflamação nos folículos pilosos, então anota essas dicas de como tratar e prevenir a foliculite:

  • Lavar as mãos com frequência;
  • Manter a pele sempre limpa e seca;
  • Tomar banho com sabonetes antissépticos antes e depois da depilação;
  • Não usar roupas muito justas, já que elas aumentam o atrito com a pele;
  • Manter a pele frequentemente hidratada;
  • Beber muita água;
  • Evitar alimentos gordurosos;
  • Não depilar com lâminas e cera.

E o que fazer com a depilação?

Já que técnicas com lâminas de barbear e cera são responsáveis pelo desenvolvimento de muitas foliculites, que tal apostar em outros métodos? Os pelos não precisam ser um problema. Na verdade, eles podem desaparecer para sempre. Pensando nisso, a melhor opção é, sem dúvida alguma, a depilação a laser.

Além de deixar a pele lisinha e macia, sem pelos para sempre, o laser também protege as áreas tratadas de inflamações, pelos encravados e, claro, da foliculite.

Apostar na depilação a laser da Spazio é se livrar de vários incômodos de uma vez só. Depois do método Gás+Laser você nunca mais vai precisar se preocupar com os pelos e com as foliculites, garantindo muito mais segurança e conforto no seu dia a dia.

Então venha para a Spazio Depilação a Laser e seja livre todos os dias do ano.

pros e contras da depilacao com lamina

Prós e contras da depilação com lâmina – conheça e decida

Se existe um método de depilação rápido, indolor e muito prático, esse é a lâmina de barbear. Apesar de ser mais agressivo e ajudar em muito no aparecimento das foliculites, a técnica é a melhor opção para resolver aqueles probleminhas e situações que aparecem de última hora, principalmente quando não estamos devidamente preparados(as). Como todos os métodos, existem prós e contras da depilação com lâmina, por isso fizemos uma listinha para você comparar e decidir se a técnica vale ou não a pena.

Prós e contras da depilação com lâmina

Prós

  1. Rápido, barato e indolor

Essa com certeza é a maior vantagem da depilação com lâmina. Os aparelhos de barbear são baratos e possuem linhas próprias para as mulheres, por exemplo, preparados anatomicamente para esse público. Além disso, a lâmina é indolor.

  1. Praticidade

A lâmina é muito prática e pode ser usada em qualquer situação. Inclusive sendo carregada na bolsa em casos de emergência. É sempre bom frisar que não é recomendado raspar os pelos com a pele seca, então sempre procure um banheiro para jogar uma água na região a ser depilada.

  1. Tira os pelos curtos

Ao contrário da cera, a lâmina retira aqueles pelos curtinhos que acabaram de crescer. Você não precisa esperar até a próxima depilação para resolver essa situação.

Contras

  1. Baixa durabilidade e alta taxa de repetição

Apesar de prática, a depilação com lâmina dura pouco tempo. Entre 3 a 5 dias os pelos já estão grandes outra vez. Outra desvantagem vem daí: com o crescimento rápido, é preciso repetir o método com muita frequência.

  1. Pelos encravados e foliculites

Talvez a pior desvantagem da depilação com lâmina seja o surgimento de pelos encravados e foliculites. Essas inflamações são incômodas e algumas vezes dolorosas. A foliculite, por exemplo, quando não tratada corretamente pode evoluir para quadros mais complicados, como o surgimento de furúnculos na pele.

  1. Escurecimento da pele

Por ser um método de grande repetição, a lâmina deixa a pele sensível e mais suscetível ao aparecimento de manchas. Por isso é normal que as axilas e as virilhas fiquem mais escuras.

Aposto que depois dessa lista com os prós e contras da depilação com lâmina ficou muito fácil decidir ou não pelo uso do método, né? Quer uma dica ainda melhor?

Abandone essa técnica e se renda à depilação a laser. Além de retirar os pelos definitivamente, o laser protege a pele contra agressões, evitando pelos encravados e foliculites. Sem contar que você dá fim aquela necessidade de retirar os pelos quase todos os dias, né?

Conheça e venha para a Spazio Depilação a Laser. Com a tecnologia Gás+Laser oferecemos a melhor opção para a retirada dos pelos. A depilação a laser da Spazio é mais confortável e muito mais eficaz.

prós e contras da depilação com cera

Prós e contras da depilação com cera: conheça e decida

A depilação a cera – seja ela quente ou fria – é um dos métodos mais populares para a remoção de pelos entre as mulheres brasileiras, mas mesmo sendo tão usada no país, você conhece os prós e contras da depilação com cera? Aliás, a técnica é tão popular por aqui que ganhou características próprias – como a retirada total de pelos em toda a região da vagina – e é conhecida lá fora como “brazilian wax”, em bom português, depilação brasileira.

É legal falar que a cera não nasceu aqui e nem fomos os pioneiros no uso dela para depilação. Relatos contam que no Egito Antigo o mel era utilizado para a retirada de pelos. Ainda na Antiguidade, Alexandre, o Grande, invadiu o Egito. O período Helenístico definiu muito do que seria a cultural ocidental séculos e séculos mais tarde, então nada mais natural do que traços da cultura do Egito Antigo serem absorvidos e mantidos até hoje.

Prós e contras da depilação com cera

Depois dessa breve introdução, vamos ao que interessa. Se prepara que lá vem a listinha:

Prós

  1. Quente ou fria

A depilação com cera pode ser feita com ela quente ou fria. A quente ajuda a abrir os poros da pele, facilitando a retirada dos fios. A escolha entre fria e quente é muito pessoal e vai da experiência de cada um

  1. Democrática

A cera pode ser usada em todos os lugares do corpo: pernas, virilha, axilas, rosto etc. Ela também pode ser aplicada em qualquer tipo e cor de pele.

  1. Dá para fazer em casa

Tem coisa melhor do que se depilar em casa, no aconchego e conforto do lar? Pois é, com a cera isso é possível. Com a evolução dos produtos, você pode comprar a sua cera, esquentar no micro-ondas e fazer tudo em casa.

  1. Duração

Como retira os pelos pela raiz, a depilação com cera dura cerca de um mês. Além disso, com o tempo, a tendência é que eles afinem e enfraqueçam, promovendo um espaço maior entre cada sessão.

Contras

  1. A tal da dor

Apesar de muitas vantagens, a depilação com cera dói. E não é pouco. Se você for mais sensível então, serão minutos de tortura. Alguns anestésicos locais podem dar uma aliviada, mas é sempre importante procurar um médico antes de tomar a iniciativa de usar tais produtos.

  1. Varizes

A cera quente dilata os vasos das pernas por causa da temperatura. Isso pode facilitar o surgimento de varizes, um dos pesadelos de todas as mulheres.

  1. Sensibilidade

Depois da depilação com cera, a pele fica naturalmente mais sensível e por isso é normal sentir alguns incômodos no dia do procedimento.

  1. Pelos encravados e foliculites

É muito comum que pelos encravados e foliculites surjam com a depilação a cera. Esses problemas são bem incômodos e podem evoluir para cenários mais graves, como já citamos no artigo “Como tratar e prevenir a foliculite”.

Com essa lista ficou muito mais fácil ver e identificar os prós e contras da depilação com cera. O método é eficaz, mas é doloroso e pode irritar a pele, causando inflamações e quadros mais graves. Quer uma solução melhor para retirada dos pelos?

Aposte da depilação a laser. Ela é rápida, muito menos dolorosa, protege a pele, depila os pelos para sempre e ainda te deixa livre dos fios encravados e das foliculites.

Conheça e venha para a Spazio Depilação a Laser. Com a tecnologia Gás+Laser oferecemos a melhor opção para a retirada dos pelos. A depilação a laser da Spazio é mais confortável e muito mais eficaz.